A QUE VEIO ESTE BLOG?
VEIO PARA DIVULGAR PROJETOS NOS MAIS VARIADOS CONTEÚDOS, TEMAS, FORMAS, NECESSIDADES E AFINS, CLARO!
SINTA-SE A VONTADE PARA USUFRUIR DE TUDO QUE FOR ÚTIL PARA SUA AULA.
DIVULGUE, PARTICIPE, COMENTE!
04 DE JULHO DE 2011
Um blog aliado às pesquisas de professores, pois existem muitas possibilidades lúdicas pela net,
além de inúmeros endereços pedagógicos incríveis.
Aqui vocês terão as postagens originais, ou partes delas,
adicionados às demais informações necessárias, com os devidos créditos atribuídos.
Amiga blogueira, se desejar divulgar seus projetos, entre em contato.

PROJETO DIDÁTICO

PROJETO DIDÁTICO: Reunião de atividades que se articulam para a elaboração de um produto final forte, em que podem ser observados os processos de aprendizagem e os conteúdos aprendidos pelos alunos. Costuma partir de um desafio ou situação-problema. Trabalhados com uma frequência diária ou semanal, podem estender-se por períodos relativamente prolongados (um ou dois meses, por exemplo), tornando os alunos especialistas num determinado tema.

domingo, 10 de julho de 2011

Projeto Jornal

Por que trabalhar o jornal em sala de aula?

A leitura do jornal em sala de aula é um excelente maneira de preservar na escola o caráter social da escrita.
E do ponto de vista escolar, os alunos aprendem a reconhecer e utilizar diferentes formas de organização textual, bem como os recursos linguísticos próprios de cada modalidade.

Dica: Traga SEMPRE jornais para a sala de aula.

OBJETIVOS DO PROJETO JORNAL

Desenvolver nos alunos não só as habilidades de leitura do jornal (e com isto as dos mais diferentes tipos de texto), mas também estimular a crítica e o debate sobre temas da atualidade. Por isso, proponha aos alunos que se organizem para periodicamente (a cada semana ou a cada quinze dias ) ler e comentar as notícias veiculadas pelos jornais.

A PRIMEIRA PÁGINA DO JORNAL

Trabalhar os seguintes aspectos:
Organização da primeira página, recursos utilizados.

1)O cabeçalho (nome do jornal, logotipo, data, preço, endereço eletrônico, fundação, ano/circulação...);
2)Manchete (notícia de maior importância do dia)
3)Subtítulo ou “olho” (destacando um fato secundário da notícia)
4)Chamadas (demais notícias)
5)Fotos
6)Legendas das fotos
7)Índice
8)Tabela e previsão do tempo

MANCHETE

Trabalhar:
•Organização do texto manchete;
•Habilidade de síntese
Traga para a classe alguns recortes de jornal contendo notícias interessantes sem o título ou subtítulo.
Organize os alunos em duplas e peça-lhes que construam manchetes e subtítulos para essas notícias.

ATIVIDADE
Lembre a eles que a manchete não deve ser muito extensa, devendo-se eliminar todas as palavras cuja falta não prejudique a compreensão da mensagem.
Em seguida, entregue-lhes as manchetes (ou títulos) e subtítulos originais para que comparem com os que foram produzidos por eles.
Faça uma rodada para que apresentem para a classe o resultado da comparação, apontando as possíveis razões para as diferenças.

LOCALIZAÇÃO DE UMA NOTÍCIA DE JORNAL

Trabalhar:
•Reconhecimento de indícios fornecidos na primeira página para localização de notícias no interior do jornal.
Providencie com antecedência alguns jornais completos (não precisa ser do mesmo dia) e distribua-os aos alunos reunidos em grupos.
Solicite que leiam a manchete da primeira página, subtítulo (se houver), resumo da notícia principal e em seguida recortem e colem em uma folha de sulfite.
Depois, deverão procurar dentro do jornal a(s) matéria(s) referentes àquela manchete ou chamada de capa, recortá-la(s) e colá-la(s) abaixo da matéria de capa.
Percorra os grupos observando o desenvolvimento do trabalho.
Se os alunos apresentarem dificuldades, auxilie-os, sempre perguntando quais pistas o jornal ofereceu para que pudessem localizar a notícia.
Os grupos apresentarão o resultado do trabalho para a classe e depois poderão deixá-lo exposto na sala.

ESTUDO DE DIFERENTES GÊNEROS TEXTUAIS

• Notícia: transmite informação sobre os acontecimentos.
 Geralmente se inicia com o fato mais importante para finalizar com os detalhes.
Progressão temática:

•O quê? Quem? Onde? Quando? Onde? Como? Por quê? (lead)

NOTÍCIA

Trabalhar:
Organização do texto notícia, o lead.
Leitura do título e subtítulo da notícia: “Chuvas desabrigam mais de 3 mil no PR.”
Chamar atenção para a relação entre título e subtítulo e qual a função deste último.
Registre na lousa a conclusão da turma e solicite que os alunos façam o mesmo.
Leitura do texto da notícia.
Pergunte aos alunos quais informações aparecem nesse trecho, relacionando-as às perguntas:
O quê? Quem? Quando? Onde? Como? Por quê? (trabalhar o lead)

REPORTAGEM

Recorre ao testemunho de uma figura-chave para o conhecimento de assunto em questão.
Perguntas breves divulgam as ideias e opiniões do entrevistado.
Caracteriza-se por formar um conjunto de matérias sobre um mesmo tema, aprofundando um fato ou conjunto de fatos no tempo e no espaço: comparam-se acontecimentos de épocas passadas com os atuais, fatos semelhantes ocorridos em outras localidades ou a comentários feitos por personalidades.

Trabalhar:
•Diferenças entre notícia e reportagem
•Características desta atividade: Leitura de diversas matérias que complementam a notícia da tragédia das chuvas no Brasil, tais como os textos das notícias “Moradores se apertam em abrigo” e “Desabrigados em SC são 1828”, identificando quais os aspectos abordados em cada uma das matérias.
Comentar que além dos textos , a reportagem traz outros recursos para informar : foto e sua legenda, mapa com legenda.

MARCAS COMPOSICIONAIS PRESENTES NAS REPORTAGENS

Peça-lhes que marquem trechos dos textos em que aparecem ”vozes” de pessoas, isto é, declarações ou fragmentos de entrevistas feitas; bem como verifiquem qual é a marca que nos ajuda a perceber quando é o jornalista quem fala e quando é uma testemunha ou outro declarante (uso de aspas e verbos do tipo: afirma, declara, diz etc.)

OS CLASSIFICADOS

Trabalhar:
Organização do texto anúncio.

ATIVIDADE
Leve para classe alguns cadernos de classificados e distribua para os alunos reunidos em grupos, para que observem como esses anúncios são organizados;
Peça que cada aluno escolha um anúncio para avaliar, por escrito,dizendo se o classificado poderia oferecer mais dados que seriam importantes para o leitor e como ele o faria sem alterar muito o espaço ocupado pelo anúncio.
Ao final, alguns podem ler o texto escolhido juntamente com seu comentário e proposta de alteração.
A classe deve dar sua opinião, discutindo se o comentário e proposta do aluno são adequados ou não.

A OPINIÃO DO JORNAL
EDITORIAL

Normalmente, a segunda e/ou terceira páginas de um jornal são reservadas à publicação da opinião do jornal (editorial) , opinião de articulistas (pessoas de destaque no meio intelectual da sociedade, contratadas para escrever especialmente para o jornal) e opinião de leitores do jornal.
É importante observar que só o editorial não é assinado porque representa a opinião do jornal(isto é dos jornalistas que o dirigem).
O editorial pretende convencer o leitor a tomar uma posição (lembre que o jornal é chamado de veículo formador de opinião)

ORGANIZAÇÃO DO EDITORIAL

O texto do editorial é organizado em três blocos: tese (breve resumo do assunto e introdução da opinião a ser defendida); desenvolvimento (apresentação dos argumentos que o jornal defende e refutação dos argumentos a que se opõe) e conclusão (reforço da posição ou opinião adotada pelo jornal).

ATIVIDADE 1

1.Leitura dos textos: “Uma redescoberta feliz” e “Enchentes”.
2.Pergunte: Qual a diferença entre esses textos e os outros lidos nas atividades anteriores?
3.Peça para que os alunos identifiquem a tese defendida pelo autor do editorial “Uma redescoberta feliz”

ATIVIDADE 2

Escrevendo para o jornal
Trabalhar:
Produção de texto argumentativo
Proponha aos alunos que escrevam uma carta para um jornal (de preferência jornal do bairro ou da região) comentando, denunciando ou reclamando de algum fato ou acontecimento que tenha ocorrido recentemente e sobre o que queiram se manifestar.
Faça a reescrita coletiva de um dos textos.
Peça-lhes que, em duplas, revisem seus textos.
 Faça com eles uma última revisão, corrigindo os erros ainda existentes.

CHARGE

Segundo o dicionário “Aurélio”, charge é a “representação pictórica, de caráter burlesco e caricatural , em que se satiriza um fato específico, em geral de caráter político e que e do conhecimento público”.
Trabalhar:
•A organização do texto charge,
•Figuras de pensamento ironia
•Análise de uma charge com a classe.

CRÔNICA

Gênero literário que retrata situações do cotidiano mais imediato.
Em geral, é publicada em jornais e revistas e refere-se a temas do momento.
Entretanto, algumas crônicas transcendem esse imediatismo, tratando de temas de interesse mais universal: assim, resistem ao tempo.

PERGUNTAS QUE DEVEM SER TRABALHADAS DURANTE A LEITURA DE CRÔNICAS

• Que variedade linguística predomina nos textos: coloquial ou formal?
•Como é marcada a passagem do tempo?
•Como são caracterizados os personagens?
•Como é mostrado o espaço?
•Qual a perspectiva adotada para narrar: narra através de um personagem, utiliza um narrador, narra em primeira pessoa, em terceira?
•Qual o tempo verbal utilizado e por quê?
•Como é a adjetivação dos personagens? Faz falta?
•Quais os recursos de coesão?

ORGANIZAÇÃO DO JORNAL FALADO
JORNAL MURAL

Providenciar:
1. Papel pardo, sulfite e cartolina;
2. Pincel atômico, canetas hidrográficas, lápis de cor;
3. Máquina fotográfica (se possível, para ilustrar matérias escritas pelos alunos);
4. Jornais e revistas para recorte e colagem;
5. Tesoura, cola;
6. Fita adesiva ou tachinhas.

ETAPAS PARA UM JORNAL MURAL

1. Escolher as seções e o nome do jornal;
2. Organizar as equipes;
3. Produzir o jornal
4. Editorial;
5. Propaganda;
6. Publicação do jornal

DICAS PARA ORGANIZAÇÃO DO JORNAL

• A periodicidade do jornal é fundamental.
É preciso acostumar o leitor com o dia em que o mural tem notícias novas.
Se o leitor vem ver o jornal no dia marcado e encontra notícias velhas, perde o interesse.
• O mural precisa estar afixado numa altura tal que a maioria dos leitores possa ler: nem muito acima, nem muito abaixo da média da linha dos olhos dos alunos da escola.
• O mural precisa atrair a atenção do leitor, em primeiro lugar, por seu aspecto visual.
Para isso, use papéis de cores diferentes e tintas variadas.
• O nome do jornal não pode ser trocado e deve ser escrito sempre com o mesmo tipo de letra, para que seja reconhecido facilmente.
Deve ficar no alto do mural, no centro ou à esquerda.
• Use muitos desenhos e fotos, mas é preciso escolher bem, para que completem a notícia e não reproduzam simplesmente o que ela está dizendo.
• As matérias mais importantes devem ser colocadas no centro, ou então à esquerda.
• Para destacar algum artigo, você pode:
- escrevê-lo em letras maiores;
- escrevê-lo com letras de outra cor;
- colocar em volta da matéria um friso (moldura) colorido.
• Sempre que possível, os textos devem ser pequenos e escritos com frases curtas e diretas.

Sugestões de  atividades com Jornal

1- Primeiro contato com o jornal:
Objetivos:
Comparar um jornal com outros e com materiais impressos (revistas, gibis, catálogos, folders, cartazes ...);
Ver como é um jornal por “dentro” (folhear, manusear);
Indagar o destino de jornais e revistas depois de lidos;
Observar leitores de jornais e revistas em diversas situações;
Praticar atividades lúdicas (mímica, teatro) a partir da leitura de jornais e revistas;
Iniciar-se livremente em gêneros jornalísticos como crônica, a reportagem, a entrevista, a redação de títulos, etc;
Praticar atividades ligadas à leitura, como: descrição de tipos, narrativas e crônicas.

Trabalhar:
Habilidades de síntese, clareza, argumentação, organização do texto instrucional.

Fonte: 


2- O jornal é um portador de diferentes gêneros:textos opinativos (editorial, cartas dos leitores, críticas), notícias, reportagens, dicas culturais, classificados etc. distribuídos em diferentes cadernos.
Hoje, os alunos têm acesso a essa linguagem por diferentes formas, inclusive por meio dos telejornais.
O trabalho com a leitura desses textos tem como objetivo conhecer essas linguagens para ter uma visão mais crítica do mundo.
O texto de reportagem, tema desta sequência, é feito com base em pesquisas, entrevistas, levantamento de dados e citações, entre outros recursos.
Apresenta diferentes vozes sobre o mesmo assunto e tem linguagem objetiva, clara e baseada na norma culta.
Na reportagem, utilizam-se termos que não dão margem a diferentes interpretações.
As citações entram entre aspas e as fontes são sempre identificadas.
Variados, os assuntos das reportagens são todos aqueles que despertem interesse do leitor.
Objetivos:
Identificar os principais gêneros que aparecem nos jornais: editorial, notícias e reportagens. Conhecer a organização de alguns jornais.
Diferenciar reportagens de outros gêneros encontrados nos jornais.
Localizar as informações principais numa reportagem.
 Relacionar as imagens e as legendas numa reportagem.
Destacar as diferentes vozes numa reportagem.
Material: Vários jornais completos
Alunos em equipes
Situação: Uma pessoa precisa encontrar no jornal uma informação sobre um acidente de carro.
Tarefa A
1-Onde deve procurar?
2- Fazer uma lista dos cadernos do jornal recebido.
3- Cada equipe registrará numa tabela (modelo abaixo) sua lista de cadernos encontrados e qual o tipo de assunto de que tratam.
Nome do jornal:Cadernos encontrados:Tipo de assunto:
Tarefa B
Coloquem em que caderno devem aparecer os seguintes assuntos: Eleições para a prefeitura, aumento do dólar, time que venceu o jogo do final do campeonato e filmes que estrearam no cinema no fim de semana.
Tarefa C
Apresente três textos: uma notícia, uma carta de leitor e uma reportagem.
1- leitura de cada um dos textos. Quais as diferenças que percebem entre eles?
2- Quais os objetivos de cada um?
3- De qual caderno foram retiradas?
4- Registrem as suas características:
5- O que cada um apresenta:
Cabeçalho, nome do caderno, data, título, subtítulos, imagens.
Notícia:
Carta ao leitor:
Reportagem:
6- Leia cada texto junto com os alunos e chame a atenção para as diferentes opiniões que aparecem no texto.
Chame a atenção também para o nome da jornalista responsável.
Discuta o que foi aprendido com a leitura.

Avaliação:

Identifica diferentes textos publicados nos jornais.
Reconhece características estudadas nas reportagens.
 Identifica as ideias centrais nas reportagens lidas.
Identifica as diferentes vozes nas reportagens. Fez os registros pedidos.

Bibliografia:
Nova Escola: leitura com textos jornalísticos - planos de aula
Fonte:

3- Atividade baseada na sugestão acima:
Primeira parte:
Texto instrucional
Manchetes de jornal
Notícia/ Reportagem.
Apresentação da manchete: “Chuteira não é só para macho”
O título muitas vezes nos dá uma idéia sobre o assunto que vai ser tratado no texto.
Qual poderia ser o assunto de um texto com esse título?
O que você observou para chegar a essa conclusão?
“Chuteira não é só para macho” e “As mulheres também estão jogando futebol”.
O que os dois títulos têm de parecido?
Na sua opinião, qual deles chamaria mais a atenção do leitor? Por quê?
Pensem em outros títulos sobre esse assunto e que também chamem a atenção das pessoas. Registre estas manchetes.
Escreva um pequeno texto que tenha este título: “Chuteira não é só para macho.”
Objetivos:
Explorar as características persuasivas da manchete.
Explorar os possíveis portadores de texto onde poderia estar escrito esse título.
Trabalhar com a predição do título em relação ao seu significado e levantar hipóteses sobre o tipo de texto que poderia corresponder a ele.
Identificar outros portadores de informação.
Apresentação da notícia do jornal (trecho)
Comparar o texto produzido com o texto do jornal, confrontando suas hipóteses iniciais.
Responda: Qual o assunto desse texto?
Por que a manchete foi escrita com letras maiores?
Por que vocês acham que é comum encontrar nos jornais, além do texto escrito, fotografias? Perceber que a fotografia é um elemento a mais. Além da escrita, que auxilia a compreensão da notícia, ilustrando-a e funcionando como prova de veracidade do fato citado.
Vocês acham que os fatos apresentados no texto são reais? Como vocês descobriram isso?
Quando lemos uma notícia, ficamos sabendo um pouco mais sobre as coisas que acontecem no mundo. Além do jornal, de que outras formas podemos conseguir informações?
Segunda parte:
Reportagem “Bola da vez”
Recortada do jornal, Folha teen - Folha de São Paulo, do dia 11/05/09
Após a leitura, registrar qual é a manchete, subtítulos, chamadas, fotos e legendas.
Responder:
Para ser jogador é preciso enfrentar dificuldades.
Cite algumas.
Quais as qualidades para o sucesso desses jovens?
O que acontece quando o jovem chega a “glória” citada na reportagem?
Para as meninas o caminho é o mesmo?
Comente a reportagem sobre a jogadora Beatriz.
Terceira parte:
Texto instrucional: Entregar o texto “Desenho- surpresa”.
Eis o texto:
1-Qual a principal intenção comunicativa do texto?
Dar instruções, dar uma opinião ou contar uma história?
Texto instrucional é aquele que dá instruções, que ensina ou orienta o leitor a fazer algo.
È o tipo de texto característico dos manuais, folhetos explicativos, cadernos de receitas.
2-Como é dividido o texto dessa receita?
3- Qual é a função das ilustrações?
4- Transcreva estas instruções na sequência adequada.
(no livro,ela está fora de ordem):
A) Depois de colorida toda a folha, cubra a pintura com giz de cera preto.
B) Pinte uma folha de desenho com várias cores de giz de cera, organizando as cores como quiser.
C) Surpresa: o desenho vai se tornando colorido, à medida que as cores do fundo são reveladas.
D) Com um palito de madeira ou ponta fina (ponta de transferidor), comece a desenhar sobre a pintura preta.
5- Escreva a lista de materiais de que você precisa para fazer o desenho- surpresa.
Observação: nesta técnica o desenho é livre, porém foi utilizado o tema das leituras anteriores, futebol feminino, e suas as manchetes feitas por eles.
Vejam as fotos a seguir:
As manchetes que fizeram ficaram ótimas.
Destaque para:
“ Mulheres deixam os panos de pratos e calçam as chuteiras”


 



Fotos das atividades de alunos do Tempo Integral,
 da E.E.C.Casimiro Osório
 Itajubá-MG ,  2009
DEPOIMENTO PARA PROFESSORAS DE TEMPO INTEGRAL

Trouxe esta antiga postagem do blog Projetos e Ideias,que lamentavelmente precisou encerrar suas atividades,devido as novas funções de Géssica.
Na ocasião eu trabalhava com alunos do Tempo Integral.
Ao transportar as fotos das atividades destes alunos para cá, obviamente me lembrei deles.
Nome a nome fui registrando aqui nos meus pensamentos as suas dificuldades.
Eles estavam no 6º ano, já defasados, vindo de escolas municipais.
Típicos alunos com dificuldades de aprendizagem e de comportamento agressivo.
Justamente pela falta de autoestima, eles se rebelavam, naturalmente.
Do que adiantaria eu  teimar em estudar Língua Portuguesa, forçá-los a ler algum texto, se não dominavam a leitura básica?
Para quê repetir as aulas do tempo regular,onde estavam misturados com outros alunos, que seguiam as orientações da professora de Língua Portuguesa?
Na sala regular eles jamais teriam, chances, como esta ,de aprender brincando com os jornais e artes.
Digo e enfatizo que:

SALA DE TEMPO INTEGRAL DEVE TER ATIVIDADES DIFERENTES DA SALA REGULAR.

Se me perguntarem se eles venceram todas as dificuldades, digo-lhes que não.
Praticamente não lerão correntemente e nem escreverão discussos.
Mas aprenderam noções de estima, confiança, e se sentiram alunos incluídos e jamais excluídos!
Eles não foram aprovados para o 7ºano. Claro, fazendo avaliações sistemáticas, obrigatórias...
O assunto é vasto. No conselho de classe,enquanto a professora titular de Língua Portuguesa não tinha nada positivo para divulgar sobre eles, eu apontava de sobra, claro, de outra perspectiva, eles eram "artístas famosos!"
Boa sorte para as colegas que estão enfrentando este projeto.
Tendo apoio da direção e colegas já é um bom começo.
Professora Maria Cristina/krika

Bibliografia:
Registrando Descobertas, Língua Portuguesa - Amália Orchis e outros,
1ª série. Editora FTD
Projeto Araribá, Língua Portuguesa - 5ª série. Editora Moderna

Fonte:http://nossosprojetoseideias.blogspot.com/2009/06/texto-instrucional-manchetes-de-jornal.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um tema para projetos publicar!