A QUE VEIO ESTE BLOG?
VEIO PARA DIVULGAR PROJETOS NOS MAIS VARIADOS CONTEÚDOS, TEMAS, FORMAS, NECESSIDADES E AFINS, CLARO!
SINTA-SE A VONTADE PARA USUFRUIR DE TUDO QUE FOR ÚTIL PARA SUA AULA.
DIVULGUE, PARTICIPE, COMENTE!
04 DE JULHO DE 2011
Um blog aliado às pesquisas de professores, pois existem muitas possibilidades lúdicas pela net,
além de inúmeros endereços pedagógicos incríveis.
Aqui vocês terão as postagens originais, ou partes delas,
adicionados às demais informações necessárias, com os devidos créditos atribuídos.
Amiga blogueira, se desejar divulgar seus projetos, entre em contato.

PROJETO DIDÁTICO

PROJETO DIDÁTICO: Reunião de atividades que se articulam para a elaboração de um produto final forte, em que podem ser observados os processos de aprendizagem e os conteúdos aprendidos pelos alunos. Costuma partir de um desafio ou situação-problema. Trabalhados com uma frequência diária ou semanal, podem estender-se por períodos relativamente prolongados (um ou dois meses, por exemplo), tornando os alunos especialistas num determinado tema.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Projeto: Corpo saudável

Projeto Corpo saudável
Elaborado por Maria Cristina Almeida

 Apresentação

O corpo humano reage ao modo de vida, à alimentação, e a qualquer tipo de substância ingerida com a finalidade de alterar funções naturais do organismo.
Além das atividades físicas, é preciso perceber a importância da afetividade, do trabalho em equipe e da convivência com diferentes pessoas ou grupos, enfocando o conhecimento e desenvolvimento das manifestações corporais.
O corpo fala quando nos movimentamos, expressamos uma série de significados da cultura em que estamos inseridos. Alguns deles, com o passar do tempo, se tornam práticas organizadas e sistematizadas, obedecem a regras e são transmitidos de geração em geração.

Justificativa

Procurando novos enfoques de interdisciplinaridade, este projeto propõe abordar várias atividades, como manifestações que deverão convidar os alunos a lançar um olhar especial à cultura do corpo, ao bem estar, desenvolvendo práticas alimentares saudáveis e estratégias de redefinição da cultura corporal.
 Partindo da prática corporal estaremos expressando traços relevantes ao ensino de Educação física, por exemplo, trazendo-o para dentro da sala de aula, aliados as aulas de Língua Portuguesa: práticas dos gêneros literários.
 Assim, atividades costumeiramente deixadas de lado pelas aulas tradicionais, como brincadeiras, danças e jogos praticados pelas famílias, se igualam aos esportes dominantes e voltam a serem apreciados de forma diferente, inclusive.
“Ao interpretar esportes, jogos, lutas, danças ,etc, a turma consegue entender como essas manifestações se inserem na cultura e cria diferentes maneiras de adaptá-las ao ambiente escolar.”
À primeira vista, a necessidade de abordar a leitura em uma aula de Educação Física pode causar estranheza: será que o professor tem de trocar a ênfase no movimento e na vivência das práticas corporais pelos cadernos de esporte dos jornais e textos instrucionais próprios da área (regulamentos, súmulas e esquemas táticos)? “Muito pelo contrário”, defende Marcos Garcia Neira, professor de Metodologia do Ensino de Educação Física da Universidade de São Paulo (USP).
“A ideia de ler na disciplina deve ter como foco as práticas corporais e a compreensão de seus gestos, que são o texto do corpo.
Os gêneros verbais também têm seu lugar, mas como apoio ao entendimento do que os grupos produzem com o corpo.”
Sendo assim estaremos propondo também uma aproximação, no conteúdo Ciências.
Através de aulas práticas sobre saúde, boa alimentação, hábitos saudáveis, higiene, corpo humano, entre outros.
Traremos a tona, certamente, a interdisciplinaridade, em Matemática, Artes, Ensino Religioso, de forma agradável e estimuladora, oferecendo planos de aulas e atividades sugestivos, referentes ao tema.
Num contexto especial “Corpo Saudável” trará o tema drogas e seu uso indevido.
Para não enfatizarmos apenas a prevenção, ou cuidados específicos, levaremos os alunos a associarem: “corpo saudável é aquele sem drogas”.

Que ninguém se iluda: drogas (lícitas ou não) vão passar pela vida dos filhos em algum momento da adolescência. Às vezes, até antes.  Lidar com a questão é um desafio que envolve uma luta feroz contra um universo de sedução, prazer e altíssimo risco. Cair em tentação parece inevitável.
Drogas estão em todos os lugares que os jovens costumam freqüentar: festas, rodinhas de amigos, barzinhos, viagens e (horror!) dentro das escolas.
 Despertam uma curiosidade incontrolável e podem ser adquiridas com a mesma facilidade com que se compra qualquer artigo de primeira necessidade.
 O apelo é irresistível.
A inquietação que caracteriza essa fase da vida, a busca constante por modelos, a necessidade de encontrar explicações são em geral as razões que levam os jovens a experimentar novas sensações.
 Em português claro, eles têm a ilusão de que podem obter as respostas que procuram nesse novo mundo.
Em alguns casos, os jovens consomem drogas como uma maneira de expor suas críticas ao comportamento dos pais. 
Os adolescentes nem sempre conseguem avaliar os riscos que correm quando atendem ao apelo das drogas.
Precisamos  estar conscientes do poder das drogas , trazendo o tema das mais diversas formas possíveis  para o contexto escolar.

Fonte: http://www.klickeducacao.com.br/conteudo/pagina/0,6313,POR-265-,00.html


Diagnostico da situação
“FAZENDO AS PAZES COM O CORPO”

“Nosso corpo sempre reage de acordo com o tratamento que recebe.
 Tudo o que faz bem para a saúde deixa o corpo feliz.
Outras coisas deixam o corpo triste: quando você abusa e ele fica doente.
Mas existem algumas coisinhas que você pode fazer sempre, para ficar de bem com o seu corpo.
São hábitos simples e saudáveis, que a gente deve cultivar.
Seu corpo agradece!
 As pessoas só prestam atenção à própria saúde quando ficam doentes. 
Corpo não é bicicleta, que se pode trocar por uma mais nova quando começa a dar defeito. 
É preciso ter mais cuidados  para ter sempre energia e disposição.”



Situação esperada
Para viver bem

Mal-estar, enjoo, diarreia, tonturas, dor de ouvido.
São muitas as formas de nos sentirmos desconfortáveis com o nosso próprio corpo, de não termos muita disposição para brincar, conversar e até estudar.
Mas ser saudável não quer dizer somente estar livre de doenças.
Ser saudável significa estar bem consigo mesmo, estar feliz, alegre e de bem com a vida, e para isso, ter um organismo saudável faz muita diferença.
Boa alimentação, ambiente limpo, tranquilo e seguro para viver, ter amigos e momentos de lazer, são alguns dos requisitos para se ter uma vida saudável.
Para completar, é preciso preservar a saúde física, mental e o bem-estar social
Fonte:

Baseando-se na prática do viver bem, ao final das atividades deste projeto,espera-se que os alunos estejam:
Cientes do que é ter um corpo saudável.
Cientes dos cuidados necessários para bem viver.
Aptos para novos estímulos, conscientes dos malefícios das drogas ilícitas.

Descrição do projeto
As ações serão desenvolvidas:

Através:
-  Das aulas de Educação  Física,  Língua Portuguesa,Ciências,Artes,Ensino Religioso;
-  De leituras informativas, aulas expositivas, e demais intervenções escolhidas pelos professores;
- Da confecção de murais, atividades de artes e artesanato e outras atividades livres que surgirem durante o processo.

Abrangência
Todo corpo docente e discente da escola

Plano de ação
Objetivo geral
Explorar as diferentes culturas integrando os alunos às práticas saudáveis do corpo.

Objetivos específicos:
 - Identificar atitudes que contribuem para  manutenção do corpo saudável
- Conhecer atitudes que contribuem para a manutenção do próprio corpo
- Entender como as atitudes podem influenciar a saúde.
- Reconhecer-se como agente responsável pelo próprio corpo
- Compreender o que são atitudes saudáveis
- Saber que o alimento é fonte de matéria e energia para o crescimento e a manutenção do corpo.
- Estimular hábitos saudáveis alimentares
- Saber que hábitos não saudáveis podem contribuir para o surgimento de doenças
- Desenvolver as expressões e a cultura corporal como benefício saudável
- Esclarecer sobre a abordagem do tema das drogas
- Incutir valores pertinentes referentes ao não uso de drogas
- Desenvolver atitudes corretas em relação a prevenção ao uso de drogas
- Reconhecer a importância destas atitudes, mostrando consequências positivas
- Estimular a criatividade para efeito de autoestima
- Utilizar estratégias lúdicas,  tendo como alvo as atividades físicas, artísticas e  literárias,,inclusive.

Meta
Promover e ampliar o repertório sobre as culturas corporais.

Ações desenvolvidas
Conversações sobre assuntos relevantes vivenciados na rotina do andamento do projeto
Abordagem dos conteúdos pertinentes ao tema nas diversas disciplinas
Abordagem e exploração de textos diversificados, verbais e extraverbais
Atividades de artes e artesanato
Linguagem Corporal
Na disciplina, o corpo é encarado como um suporte textual, que carrega a história e a cultura de um grupo social.
Os gestos característicos de cada manifestação são o texto a ser lido, atividade realizada por meio da interpretação de uma série de códigos – não só biológicos mas também sociais e culturais. Associados a este movimento em atividades reais, lançaremos mãos dos recursos literários, noções científicas do corpo humano,etc
Gêneros como regulamentos e regras (texto instrucional) podem servir como apoio à leitura do movimento corporal, fornecendo elementos significativos para sua compreensão – o próprio fato de a prática ter um conjunto de normas formais já dá indícios sobre sua organização. Proporcionando ocasiões ricas referentes à interdisciplinaridade dos conteúdos.

Cronograma
 Discutido pelos professores, dependendo da abrangência de turmas.

Avaliação
Acontecerá durante todo  o processo, no que diz respeito à aquisição de conhecimentos necessários, e mudanças de atitudes par atingir a meta do corpo saudável, além de perceber novos estímulos artísticos, autoestima,criatividade,participação, colaboração e compreensão de obter e manter um corpo saudável.

Bibliografia
Revista Nova Escola Especial/Ciências
Revistas Projetos Escolares/Editora On line
Site Nova Escola
Site Canal Kids
Site Portal da Educação
Site Click Educação


Sugestões de atividades artísticas e artesanais

- Argila: Montagem de bonecos praticando exercícios saudáveis.
Modelos: postagem de brincadeiras utilizando argila: link:


- Modelagem de corpo humano: Utilizando papelão, desenhar o contorno do corpo de alunos, recortar em  tamanho normal.
Cada grupo poderá decorar este corpo com os seguintes temas:
1-   Alimentação saudável:  gravuras, fotos, desenhos , textos,etc.
2-   Exercícios físicos para manter boa forma: gravuras, desenhos, fotos, textos,etc.
3-   Drogas: causas, prevenções: fotos, gravuras, desenhos,textos,etc.
4-   Hábitos de higiene corporal: banho,escovação dental,etc.
5-   Hábitos de beleza saudáveis: corte de cabelos, manicure, limpeza de pele, etc.
6-   Hábitos saudáveis para  corpo e mente:  ioga, pilates, academia,hidroginástica,lutas marciais,etc.
7-   Hábitos espirituais: reflexões, religiosidade, frases pensamentos positivos ,etc.
8-   Música para o bem viver: músicas sobre autoestima, alegria,etc: gravuras de danças, textos,desenhos, letras de músicas,etc.
Ex: Gonzaguinha: Viver e não ter a vergonha se ser feliz.... (Plano de aula pronto)

- Ilustração de poesias: tema: brincadeiras, esportes, hábitos de higiene( lavar as mãos,etc)
- Bricolagem de palavras de revistas ou jornais: palavras sobre corpo saudável.
Ex: Viva a vida!, Eu amo frutas, curto suco de melancia,etc
-  Releituras de obras literárias referentes a ciências:
A Incrível fábrica de cocô,xixi e pum de Fátima Mesquita
Armando o corpo de Mônica Guttmann


Sugestões de aulas no Blog Linguagem e Afins:
Estão postadas com o título: Corpo Saudável


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um tema para projetos publicar!