A QUE VEIO ESTE BLOG?
VEIO PARA DIVULGAR PROJETOS NOS MAIS VARIADOS CONTEÚDOS, TEMAS, FORMAS, NECESSIDADES E AFINS, CLARO!
SINTA-SE A VONTADE PARA USUFRUIR DE TUDO QUE FOR ÚTIL PARA SUA AULA.
DIVULGUE, PARTICIPE, COMENTE!
04 DE JULHO DE 2011
Um blog aliado às pesquisas de professores, pois existem muitas possibilidades lúdicas pela net,
além de inúmeros endereços pedagógicos incríveis.
Aqui vocês terão as postagens originais, ou partes delas,
adicionados às demais informações necessárias, com os devidos créditos atribuídos.
Amiga blogueira, se desejar divulgar seus projetos, entre em contato.

PROJETO DIDÁTICO

PROJETO DIDÁTICO: Reunião de atividades que se articulam para a elaboração de um produto final forte, em que podem ser observados os processos de aprendizagem e os conteúdos aprendidos pelos alunos. Costuma partir de um desafio ou situação-problema. Trabalhados com uma frequência diária ou semanal, podem estender-se por períodos relativamente prolongados (um ou dois meses, por exemplo), tornando os alunos especialistas num determinado tema.

sábado, 23 de julho de 2011

Projeto: Arca dos bichos

Arca dos bicho (e das poesias!)
Veja como a leitura de um livro
 de Vinicius de Moraes
inspirou um interessante projeto,
favorecendo a alfabetização,
o estudo dos bichos e
 a conscientização ecológica

Por Juliana Bernardino

Objetivos:
Estimular o gosto pela leitura
Apresentar a poesia de forma prazerosa
Impulsionar o processo de alfabetização
Adentrar o estudo dos bichos

Leitura e investigação:
Ao iniciar a leitura do livro com as crianças, Hellen procurou envolvê-las de diversas formas, por exemplo, questionando: Por que será que o livro chama-se A Arca de Noé?
Quem conhece a história da Arca? Os alunos tiveram de pesquisar a respeito, chegando à conclusão de que as poesias de Vinícius falam sobre os animais da Arca.
"A curiosidade mobilizou os alunos.
Eles trouxeram histórias, fotos e até um filme que eu não conhecia", conta.
Com as conclusões do grupo sobre a Arca, foi produzido um texto coletivo.

Estudando os bichos:
Depois de ler com os alunos, Hellen investigou se eles gostariam de conhecer melhor os bichos.
E o retorno foi positivo.
Assim, começaram os estudos sobre aqueles que foram transformados em personagens nas poesias de Vinícius de Mores.
 Os insetos, os animais domésticos e os ameaçados de extinção.
Liam a poesia sobre um determinado bicho e depois pesquisavam:
Onde ele mora?
Do que se alimenta?
Depois, os bichos eram levados para a aula de artes, e as crianças faziam dobraduras, recortes, colagens entre outras atividades.

 Um livro puxa o outro:
Algumas poesias de A Arca de Noé falam sobre bichos em extinção, o que levou a turma a entrar nos estudos do meio ambiente.
"Para aprofundar melhor esse assunto, propus a leitura do livro Que Planeta é Esse?, que procura soluções para o planeta voltar a ser verde e bem cuidado", comenta Hellen.
As crianças foram convidadas a buscar novas poesias, agora sobre meio ambiente, e as apresentaram na tarde do sarau, realizado na escola em um sábado.
"Cada criança leu para os colegas a poesia que encontrou e depois a turma ainda criou novas poesias coletivamente, fazendo chuvas de ideias para encontrar boas rimas."

Ambiente letrado:
Lecionando para uma turma de alfabetização, Hellen procurou trabalhar leitura e escrita sistematicamente, em todas as aulas do projeto.
 Algumas vezes lia para eles, outras pedia que acompanhassem com o dedinho em seus livros (mesmo os que ainda não sabiam ler).
Também dava como tarefa de casa a leitura de uma poesia, estimulando o envolvimento das famílias.
 "No dia seguinte eu sempre perguntava 'quem leu para vocês?', 'o que descobriram?'.
E fazíamos juntos a interpretação do texto", detalha.
Segundo a professora, os avanços na alfabetização foram notáveis ao longo do projeto.
Também, pudera: além da leitura e interpretação de texto, Hellen trabalhava:
  diferentes gêneros textuais: curiosidades, fábulas, contos, textos jornalísticos, entre outros. análise e síntese da escrita (quais letras têm a palavra foca? Quantas sílabas? etc.) cruzadinhas, caça-palavras e álbum dos animais. Este último foi montado junto com os alunos e reuniu todas as curiosidades encontradas sobre os bichos. "O álbum visitava a casa dos alunos, para os pais lerem também", conta Hellen.

Produto final:
Além de lerem as poesias de Vinícius e outras que pesquisaram, as crianças tiveram a oportunidade de escrever os seus próprios poemas e ilustrá-los. "Com as pesquisas e os estudos sobre os bichos, os alunos foram ganhando bagagem para fazer um texto autoral.
Todo o conhecimento se transformou em matéria-prima para as novas poesias", explica Hellen.
Os poemas escritos pelas crianças integraram o livro A Arca dos Bichos.
 "As crianças escreveram as poesias no papel, fizeram as ilustrações e eu digitalizei todo esse material.
Depois mandei para uma gráfica imprimir um livro bem acabado e bonito", conta.
Além do livro, Hellen, com a ajuda de um pai de aluno, montou um filme que apresenta os pequenos poetas declamando suas poesias.
 "Fizemos um cenário com os bichos da Arca, ensaiamos os textos e as crianças se reuniram em grupos para recitar os textos.
Depois, essas imagens receberam uma edição e nós reunimos os pais para exibir a gravação em um telão.
Foi muito emocionante", lembra a professora.

Livros trabalhados:
 A Arca de Noé, de Vinicius de Moraes. Editora Cia das Letrinhas.
Um verdadeiro clássico com 32 poemas infantis, a maioria sobre bichos, feitos para ler ou cantar.
 O próprio Vinicius de Moraes musicou alguns desses poemas, e eles tornaram-se clássicos da MPB para crianças.
 Que planeta é esse?, de Regina Rennó. Editora FTD.
A Terra, antes tão verde e azul, agora está mesclada à cor cinza da poluição e da devastação.
Como reverter esse quadro?
Talvez a solução seja tão simples que só o espírito infantil consiga visualizá-la.

 Fonte:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um tema para projetos publicar!